Seja bem-vindo!

Coronel Fabriciano, 13 de julho de 2024

Siga nossas Redes Sociais

Live na próxima segunda-feira, 22, apresenta subsídio para a vivência do mês vocacional
22/01 Notícias da Igreja
Compartilhar

Na próxima segunda-feira, 22 de janeiro, a Comissão para os Ministérios Ordenados e a Vida Consagrada da Conferência Nacional dos Bipos do Brasil (CNBB) apresenta em live o “Hora Vocacional”, subsídio de apoio para a vivência do mês vocacional 2024, celebrado em agosto. A live será transmitida às 19h nos canais oficiais da CNBB (Youtube) e Edições CNBB.

Participam da live de lançamento do subsídio o bispo de Parintins (AM) e referencial do SAV-PV, dom José Albuquerque; os assessores da Comissão para os Ministérios Ordenados e a Vida Consagrada da CNBB, irmã Maristela Ganassini e o padre Guilherme Maia; e o padre Raul Cardoso, da diocese de Itapipoca, no Ceará, e vice-coordenador nacional do SAV-PV.

“Iremos apresentar o material, falar um pouquinho da história do mês vocacional, que é sempre bom resgatarmos, enfim, vai ser um momento de partilha, de apresentação e de impulso para esse trabalho que estamos propondo para toda a Igreja”, explica o padre Guilherme Maia Júnior, assessor da Comissão para os Ministérios Ordenados e a Vida Consagrada da CNBB.

Assista a live:

Mês Vocacional

O mês de agosto é dedicado à oração, reflexão e ação nas comunidades sobre o tema das vocações. Este ano, a Comissão para os Ministérios Ordenados e a Vida Consagrada da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB) junto com o Serviço de Animação Vocacional – Pastoral Vocacional, definiu como temática principal do mês vocacional: “Igreja como uma sinfonia vocacional” e o lema: “Pedi, pois, ao Senhor da Messe” (Mt 9, 38).  

Segundo o assessor da Comissão para os Ministérios Ordenados e a Vida Consagrada, padre Guilherme Maia Junior, o tema foi aprovado na última reunião ampliada da Comissão, realizada em setembro do ano passado, e tem como base uma frase da mensagem do Papa Francisco para o Dia Mundial de Oração pelas Vocações de 2023.

“A igreja como uma sinfonia vocacional” é o tema, onde cada um de nós que compõe a igreja dá a sua nota, o seu tom para gerar essa grande harmonia que temos que ter no trabalho pastoral, olhando em cada lugar o desempenho da nossa vocação, a vocação para qual Deus nos chama. E o lema deste ano é “Pedi, pois, ao Senhor da Messe, que está no Evangelho de Mateus 9, versículo 38. A nossa tônica, que é o primeiro passo vocacional, é a nossa oração, é o pedido que Deus nos faz para que a gente reze, para que Ele envie trabalhadores para sua Messe”, explica o padre.

Instituído em 1981, pela CNBB, em sua 19ª Assembleia Geral, o mês vocacional tinha como objetivo principal conscientizar as comunidades da responsabilidade que compartilham no processo vocacional. De lá para cá, todos os anos alguma temática tem sido trabalhada.

Clique (aqui) e baixe o cartaz do mês vocacional.

CNBB